Portal do Governo Brasileiro

Consuni apresenta relatório final do GT Estatuto em reunião extraordinária

Pauta da sessão terá votação de propostas de mudanças no Estatuto e no Regimento da Ufal
Por: Ascom Ufal - 19/02/2019 às 11h50 - Atualizado em 19/02/2019 às 17h44
context/imageCaption

Sessão está marcada para a próxima segunda-feira (25)

Na próxima segunda-feira (25), a partir das 14h, os membros do Conselho Universitário da Ufal, se reúnem em sessão extraordinária para analisar e votar acerca do Relatório Final que apresenta as propostas de mudança no Estatuto e Regimento da Universidade. O documento foi elaborado pelo Grupo de Trabalho (GT), recomposto com início da nova gestão (Resolução 13/2016, de 04/04/2016).

As atividades do GT foram iniciadas em 2016, tendo como ações iniciais a retomada das iniciativas adotadas e o resgate dos documentos elaborados pelo grupo anterior. Em outubro de 2016 o novo GT emitiu um relatório conclusivo, iniciando uma série de audiências públicas, entre maio de 2017 e novembro de 2018, no Campus A. C. Simões, nos campi fora de sede (Arapiraca e do Sertão), no Centro de Ciências Agrárias (Ceca) e no Espaço Cultural, com o objetivo de esclarecer a comunidade acadêmica sobre o conteúdo do relatório.

De acordo com os participantes do GT, o texto que será apresentado na próxima segunda-feira é o resultado do diálogo produzido pelos membros do grupo e discutido com toda a comunidade acadêmica. “O relatório visa atender às antigas necessidades de mudanças no Estatuto e no Regimento, sentidas e buscadas há mais de uma década, que ansiava pela incorporação dos campi e unidades educacionais fora de sede, bem como a inserção no Estatuto de forma mais clara do Núcleo de Desenvolvimento Infantil [NDI], a Escola Técnica de Artes [ETA], entre outros assuntos de relevante importância para a Ufal”, destacou o presidente do GT, o vice-reitor José Vieira Cruz.

Vieira ainda acrescenta: “O Relatório Final do GT Estatuto, dentre as diversas modificações sugeridas, promoverá, depois de 13 anos, a inclusão dos campi fora de sede e das unidades educacionais em nosso estatuto, tornando-os membros natos do Consuni, garantindo a efetiva representação dessas unidades nas tomadas de decisões da Universidade”.

Confira, abaixo, os principais documentos: