Portal do Governo Brasileiro

Alunos da rede pública serão selecionados para programa da Ufal

Paespe recebeu 539 inscrições para as 200 vagas ofertadas
Por: Alícia Santos - estudante de Jornalismo - 18/09/2018 às 07h50 - Atualizado em 17/09/2018 às 12h29
context/imageCaption

Provas de ingresso serão aplicadas no próximo sábado

No próximo sábado (22), o Programa de Apoio aos Estudantes das Escolas Públicas do Estado aplicará a prova para a seleção de 200 alunos da rede pública de ensino para composição das turmas do ano 2019 dos projetos Paespe e Paespe Júnior.

Os candidatos realizaram a inscrição através do site da Copeve e compareçam à coordenação do Programa durante o período de homologação das inscrições. De acordo com o levantamento realizado pela coordenação, o processo contou com 539 inscrições, tendo a participação de estudantes de mais de 35 escolas de Maceió e Rio Largo.

A prova de seleção será no Centro de Tecnologia da Ufal (Ctec) e os alunos devem atentar para o horário de fechamento dos portões, às 8h 50, e a necessidade de levar um documento com foto (RG), caneta azul ou preta.

Sobre o Programa

O Programa de Apoio aos Estudantes das Escolas Públicas do Estado (Paespe) atende aos alunos da rede pública de ensino e busca a ascensão social desses jovens através da educação. Foi criado em 1993 pelo professor Roberaldo Carvalho de Souza (PhD), que continua coordenando as ações do Programa.

As atividades realizadas buscam aproximar os alunos à realidade da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), motivando-os para o ingresso no ensino superior.

O Programa é composto pelos Projetos Paespe e paespe Júnior e o curso de Informática para jovens e adultos. O Paespe oferece conteúdos de todas as disciplinas avaliadas pelo Enem, é destinado a alunos da 3ª série do ensino médio, com aulas realizadas de segunda à sábado. Já o Paespe Júnior tem como público-alvo os estudantes da 1ª e 2ª séries do ensino médio com as disciplinas básicas de português e matemática. Além das aulas há atividades multidisciplinares, como: palestras, oficinas, tutorias e visitas técnicas. 

As aulas acontecem no Centro de Tecnologia e são ministradas por docentes da Universidade das diversas áreas de conhecimento, e pelos discentes dos Programas de Educação Tutorial (PET Arquitetura, Ciência e Tecnologia, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Letras e Psicologia) além de alunos do Programa de Iniciação à Docência (Pibid) do Instituto de Ciências Biológicas.