Portal do Governo Brasileiro

Livro conta memórias de professor aposentado da Ufal

Lançamento foi durante comemorações dos 30 anos do curso de Ciência da Computação
19/04/2018 às 09h45 - Atualizado em 19/04/2018 às 14h58
context/imageCaption

Livro de memórias está disponível para download gratuito

Ascom Ufal

Reminiscência Ufalinas foi o título escolhido pelo professor aposentado Jaime Evaristo para o livro de memórias de sua vida na Universidade Federal de Alagoas. Com décadas de dedicação, desde o ingresso no departamento de Matemática até a aposentadoria no Instituto de Computação, o professor já escreveu diversos livros que são referenciais bibliográficos para estudantes e profissionais. Mas, fora da Ufal, Jaime decidiu reunir numa obra fatos que preservassem a história do período que vivenciou no Campus A.C. Simões, em narrativa diferente das suas publicações.

“Minha relação com a Ufal foi uma relação de amor verdadeiro: houve uma infinidade de momentos de alegria e emoções positivas e um número de momentos de tristeza e angústia próxima de zero. Foi com muito prazer que descrevi momentos dessa relação”, afirmou o autor do livro.

Editado pela Editora Q Gráfica e projeto gráfico de capa feito pelo professor aposentado Ailton Cruz, o livro também debate a oferta de cursos universitários em Alagoas no final da década de 1960, comentando os formatos dos concursos vestibulares da época e a postura de uma boa parte dos vestibulandos aprovados. A discussão envereda na dificuldade de acesso ao Campus A. C. Simões nos anos iniciais de sua implantação, cenário diferente do atual, onde a política de cotas democratizou as possibilidades de ter um ensino de qualidade.

O lançamento de Reminiscência Ufalinas aconteceu durante as comemorações dos 30 anos do curso de Ciências da Computação, no dia 9 de abril. Ao narrar suas memórias, o autor ainda apresenta alguns aspectos da história do curso e da implantação das unidades acadêmicas oriundas dos departamentos vinculados ao antigo Centro de Ciências Exatas e Naturais.

“O livro resgata valiosos aspectos da história do Instituto de Computação, que poderiam ser esquecidos, não fosse a iniciativa corajosa e altruísta do professor Jaime, um exemplo inesquecível de mestre“, destacou o diretor do IC, professor Marcus Braga.

Além da carreira docente, Jaime Evaristo tem sua contribuição com a cultura alagoana. Ele é compositor amador e já gravou dezenas de músicas que estão disponíveis para download aqui.

O novo livro do professor, Reminiscências Ufalinas, também pode ser baixado de graça, ou no formato e-book.