Fórum de Pesquisa e Pós-graduação encerra etapa do PDI no Campus A.C. Simões

Fóruns descentralizados do PDI acontecerão em Arapiraca e em Delmiro Gouveia na próxima semana
Por: Pedro Ivon – estagiário de Jornalismo e Izadora García – relações públicas - 05/04/2019 às 17h52 - Atualizado em 08/04/2019 às 13h37
context/imageCaption

Fórum de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação aconteceu na manhã de hoje (5). PDI continua nos campi do interior, na próxima semana. Fotos: Rose Ferreira.

Aconteceu na manhã desta sexta-feira (5), no auditório da Reitoria da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), o Fórum de Pesquisa e Pós-graduação do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), no qual foram apresentadas as ações estratégicas para este setor nos próximos cinco anos. O evento foi conduzido pelo pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação (Propep), Alejandro Frery.

Inicialmente, o pró-reitor apresentou os objetivos para a pesquisa, pós-graduação e inovação, validados durante o processo de consulta pública online, dentre os quais se destacam a elevação na qualidade dos programas de pós-graduação stricto sensu; a ampliação da participação dos estudantes nos programas institucionais; o aumento do potencial de inovação da Ufal; e a incubação de empresas nos municípios em que a Ufal possui campi ou unidades educacionais.

De acordo com Alejandro Frery, tanto os objetivos estratégicos lançados na consulta pública quanto as ações apresentadas hoje para a comunidade universitária foram elaborados a partir de indicadores das atividades de pesquisa, pós-graduação e inovação na Ufal nos últimos anos. Eles também serviram como parâmetro para a prospecção de metas para os anos subsequentes.

A Coordenação de Pesquisa da Propep (CPq) utilizou como indicadores a taxa de participação de doutores dedicação exclusiva no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic) e a taxa de cobertura de bolsas de iniciação científica por demanda qualificada. No âmbito da inovação e empreendedorismo, os indicadores apresentados tratam do número de proteções realizadas por ano e de incubadores regulares na Universidade. Por fim, os dados utilizados pela Coordenação de Pós-graduação (CPG) foram os conceitos dos programas de pós-graduação da Ufal e as publicações JRC [recurso que permite avaliar e comparar publicações científicas utilizando dados de citações extraídos de revistas acadêmicas e técnicas e o impacto destas na comunidade científica].

No total, foram propostas 31 ações, divididas em quatro eixos temáticos, para tentar atingir os objetivos estratégicos e as metas fixadas até o ano de 2022. Dentre as quais se destacam a ampliação do quadro de servidores técnicos nos PPGs; a inserção da extensão na pós-graduação; o lançamento de editais de iIncubação e o aumento do número de bolsas PIBIC.

“Nessa sexta-feira, o nosso escopo foi de atuar na Pesquisa e Pós-graduação. Tivemos a oportunidade de apresentar as principais ações que foram trabalhadas pelas subcomissões ao longo dos últimos meses e aí proporcionar que, no evento, todos os participantes colaborassem”, afirmou Jouber Lessa, coordenador da Coordenadoria de Planejamento da Pró-reitoria de Gestão Institucional (Proginst).

Após a apresentação, foram realizados três blocos de perguntas dos participantes, composto por pela comunidade universitária. Durante os blocos, Jouber ressaltou a importância da contribuição do público, que ajudaria no aperfeiçoamento do PDI. Alejandro Frery encerrou respondendo as questões e sugestões apresentadas.

Fóruns temáticos serão realizados no interior 

Com o intuito de permitir uma participação ampla da comunidade universitária no planejamento institucional, a Gestão descentralizou a realização dos fóruns temáticos, realizando sessões também nos Campi Arapiraca e do Sertão. Na próxima semana, o evento será realizado em Arapiraca, na terça-feira (9), e em Delmiro Gouveia na quarta (10). Os fóruns descentralizados irão ocorrer das 9h às 17h, nos dois campi, com um intervalo de duas horas entre as apresentações da manhã e da tarde. Qualquer membro da comunidade universitária pode participar dos fóruns. Interessados em receber certificado devem realizar a inscrição pelo SIGAA