Museu de História Natural faz levantamento da fauna no sertão alagoano


25/03/2009 21h00 - Atualizado em 13/08/2014 às 00h36
context/imageCaption

Estágiários do MHN e o biólogo Lahert Lobo vão realizar levantamento na caatinga

Os estudantes e estagiários do Museu de História Natural da Ufal, Barnagleison Lisboa e Guilherme Toledo, vão integrar a equipe de trabalho coordenada pelo biólogo Lahert Lobo, ex-estagiário e atual pesquisador voluntário do Museu, que fará o levantamento da fauna de vertebrados em áreas dos municípios de São José da Tapera e Água Branca.

Segundo informações do professor Fábio Henrique de Menezes, do MHN, serão relacionados os grupos vertebrados existentes na região, indicando as espécies com ocorrência no local, espécies ameaçadas de extinção, exóticas, endêmicas e bioindicadoras da qualidade ambiental, com registro, inclusive, fotográfico.

"Os dados apurados servirão para que o Instituto do Meio Ambiente em Alagoas trace políticas para a criação de reservas no bioma caatinga, que está desaparecendo sem que sejam feitos estudos mais aprofundados", diz o professor Fábio. Os recursos para o estudo são oriundos de uma proposta de trabalho feita pelo coordenador da pesquisa e aprovada pelo IMA. Os resultados deverão ser apresentados ainda no primeiro semestre de 2009.

 

 Leia também:

Pesquisadores do MHN descobrem fósseis raros