Prograd realiza 1ª Reunião Anual de Tecnologias Digitais

Docentes debatem a importância de práticas tecnológicas e metodologias ativas de ensino
Por: Janyelle Vieira - estagiária de Jornalismo - 01/10/2019 às 12h48 - Atualizado em 01/10/2019 às 12h53
context/imageCaption

Encontro foi para trocar experiências entre alunos do curso de Tecnologias Digitais e Metodologias Ativas

Na manhã desta terça-feira (1º), docentes e discentes de diversos cursos de Graduação e Pós-graduação e egressos do Curso de Tecnologias Digitais e Metodologias Ativas (TDMA) da Universidade Federal de Alagoas se reuniram no auditório do Hospital Universitário (HU) para a abertura da reunião de socialização de práticas exitosas. Eles  relatarem experiências que envolvem tecnologias digitais e metodologias ativas na sala de aula universitária. 

Na reunião, foi destacado que a prática docente precisa se adaptar a este processo acelerado de mudança de paradigmas educacionais que está sendo impulsionado pelo avanço da cultura da informação digital na sociedade. A proposta do evento, que é inédita, foi organizada pela Pró-reitoria de Graduação (Prograd) com o apoio de professores de vários cursos. 

A pró-reitora de Graduação, Sandra Paz, celebrou a realização da reunião. “Esse evento é uma realização do Programa de Formação Continuada em Docência de Ensino Superior (Proford) e, neste ano, é um momento em que os professores estão socializado as experiências realizadas com estudantes. A reunião marca realmente a importância da formação pedagógica no campo da Universidade pois a educação superior também precisa de um olhar pedagógico em suas práticas ativas que coloquem o estudante no centro do saber, numa perspectiva dialógica e com o arsenal de tecnologias que possam ser um dos elementos que contribui para que o professor socialize o saber e o conhecimento. Estamos felizes por esse momento e entendemos que é um marco importante na formação constante dos professores. Quem cresce, não são só os professores, mas o estudante também, porque as ações acadêmicas são qualificadas e melhoram a Universidade como um todo. O nosso desejo é que seja um evento contínuo e que mesmo com os cortes do Governo Federal, as ações do Proford continuem acontecendo” comentou. 

A gerente de Ensino e Pesquisa do HU (GEP), Sandra Vasconcelos, agradeceu a realização da reunião no espaço do Hospital e destacou a importância de utilizar o HU. “O Hospital é formado por diversos cursos e profissionais e, é importante ocupar esse espaço que é híbrido e abrangente”, disse

Participaram também da reunião os professores José Moran, da Universidade de São Paulo (USP) e Dênia Falcão de Bittencourt (UFSC). No momento, Moran ressaltou a importância da conversa oportuna entre professores de diversos cursos para promover a interdisciplinaridade na Universidade trazendo as tecnologias de forma crítica e clara para auxiliar ao ensino. Além disso, ele destacou a importância da preparação dos futuros docentes da Universidade com métodos ativos e tecnológicos. 

Já a professora Dênia Falcão, em seu momento de fala, exaltou a importância da docência. “Um professor está sempre aprendendo, desenvolvendo e aplicando formas de ensino e, assim, possibilita uma caminhada de transformação”, destacou. 

O encontro encerra amanhã (2) e a programação pode ser conferida no site.