Programa Conexões de Saberes aprova 65 alunos na primeira chamada do Sisu

Formado por discentes, o curso preparatório para o Enem atende a 300 estudantes
Por: Janyelle Vieira - estagiária de Jornalismo - 05/02/2020 às 07h30 - Atualizado em 05/02/2020 às 15h25
context/imageCaption

Ao longo dos anos, mais de 1500 alunos do Conexões de Saberes foram aprovados em Universidades

Ingressar em uma universidade federal é um sonho para muitos concluintes do ensino médio. Para a estudante Aline Costa, de 21 anos, a realização desse sonho foi possível por meio do Programa Conexões de Saberes. Egressa de escola pública, ela irá cursar Geografia na Universidade Federal de Alagoas.

“Decidi fazer o Conexões dos Saberes depois de algumas tentativas frustrantes na minha vida de tentar entrar na universidade, a qual sempre foi o meu sonho. Conheci o programa através de alguns amigos, e vendo suas aprovações, decidi ir fazer também, onde alcancei sucesso. Talvez, se não tivesse sido o programa, pra mim, esse ano teria sido mais uma tentativa sem sucesso. Só tenho a agradecer ao programa e a todos os professores que fizeram parte dessa trajetória pois foram os responsáveis por tornar realidade o meu sonho de entrar na universidade” relata.

O Programa Conexões de Saberes é formado por alunos da Universidade Federal de Alagoas e atua com o Projeto Pré-Enem Comunitário, um curso preparatório para o Exame Nacional do Ensino Médio que atende a 300 estudantes vindos de escolas públicas e bolsistas de escolas privadas com o objetivo de inserir os estudantes de escolas públicas na Universidade através de aulas preparatórias.

As aulas do Pré-Enem Comunitário são ministradas de segunda a sexta-feira das 19h às 22h na Faculdade de Nutrição (Fanut) e envolvem todas as áreas temáticas do Enem. Além das aulas, o programa promove aulões quinzenalmente com a participação de professores externos da Ufal e monitores bolsistas do Projeto. Além de contribuir no ingresso de estudantes das escolas públicas na Ufal, o projeto forma alunos que tem oportunidade de estagiar no programa.

Aline conta que durante a trajetória dentro do programa, teve um experiência satisfatória. “A experiência foi maravilhosa pois foi um lugar onde aprendi bastante e me fez acreditar que era possível tornar meu sonho em realidade, uma equipe de professores maravilhosos que me ajudaram bastante a obter conhecimentos em suas determinadas áreas e a ampliar minha visão sobre a possibilidade de novos cursos.”

O Programa também auxiliou a jovem para a escolha do curso. “Lembro que em um dos aulões realizados durante a jornada dos saberes, um dos professores falou: 'estejam prontos para mudanças', guardei aquilo para mim e hoje vou cursar algo que jamais imaginei um dia que eu faria, mas graças ao Conexões e ao professor, eu aprendi a olhar diferente para a Geografia, e aprendi a gostar dela a ponto de se tornar uma opção para mim.”

Ao longo dos anos, mais de 1500 alunos que passaram pelo Conexões de Saberes foram aprovados. E este ano, até a primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), já são contabilizados 65.

O programa é realizado também na Unidade de Palmeira dos Índios e está sendo implementado em Arapiraca. Mais informações aqui.

Aprovações em outras instituições

Além de estudantes aprovados em diversos cursos na Ufal, o programa Conexões de Saberes também auxiliou a aprovação de estudantes para outras instituições. Foi o caso das estudantes Ashley Asterio e Ana Juliana.

Ashley Asterio foi aprovada no curso de Enfermagem na Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) e conta que as dificuldades que possuía foram superadas durante as aulas. “Quando cheguei ao Conexões, me deparei com várias pessoas que assim como eu, tinha dificuldade e com professores que além de suas profissões se tornaram amigos, não só nos ensinaram, mas nos abriram os olhos pro universo totalmente diferente que é a universidade. Cheguei com muitas dificuldades e sem saber o curso que queria fazer mas posso dizer que a maioria delas foram tiradas e que além do aprendizado que eu obtive, também convivi com pessoas incríveis, amigos, professores e os coordenadores do curso” relembra.

Já Ana Juliana, aprovada em Relações Internacionais na Universidade Federal do Pampa (Unipampa), enalteceu o trabalho dos discentes que atuam como professores. “As aulas eram incríveis, a maior parte dos professores tinha uma didática excelente, acho que por serem, em sua maioria, estudantes como a gente, eles nos entendiam melhor. Sempre ouvi muita coisa boa sobre o Conexões e pude realmente comprovar isso” conta.

Leia também: Conexões de Saberes abre vagas para o curso Pré-Enem Comunitário