Sessão do Consuni regulamenta criação do Instituto de Ciências Farmacêuticas

Conselheiros também aprovaram que o Ceca passe a ser oficialmente um Campus da Ufal
Por: Lenilda Luna - jornalista - 03/09/2019 às 15h03 - Atualizado em 04/09/2019 às 18h10
context/imageCaption

Sessão realizada hoje (3) também aprovou a criação do Campus fora de sede

A sessão ordinária desta terça-feira (3), apreciou uma extensa pauta, que incluiu aprovação de novos cursos de pós-graduação, convênio com a Faculdade de Odontologia, cessão de bens móveis, reformulação de Projetos Pedagógicos dos Cursos (PPCs), auxílio financeiro para pesquisadores e a criação de um Campus fora de sede.

No primeiro ponto da pauta, os conselheiros e conselheiras apreciaram a criação de novos cursos Stricto sensu. Após apresentação das propostas e da leitura do parecer da Câmara Acadêmica, foram aprovadas as criações dos cursos: doutorado em Sociologia e mestrado em Administração, no Campus A.C. Simões; mestrado em Ensino e Formação de professores, no Campus Arapiraca; e o doutorado do Programa de Pós-Graduação em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para a Inovação (Profnit), que é oferecido por uma rede de Universidades.

Sobre os PPCs, a coordenadora de Desenvolvimento Pedagógico, Suzana Barrios, explicou que uma regulamentação do Conselho Nacional de Educação, de 2015, determinou a reformulação dos projetos pedagógicos nas licenciaturas. “Estamos desde 2016 fazendo um trabalho coletivo junto às Unidades Acadêmicas para construir as novas diretrizes e readequar as ementas. Alguns cursos de bacharelado também renovaram seus PPCs”, disse a coordenadora.

Nas intervenções, os conselheiros fizeram uma avaliação geral sobre a situação dos cursos e destacaram a sobrecarga de alguns professores que dão aulas em várias unidades. Em seguida, foram aprovadas as reformulações dos PPCs dos cursos: Biblioteconomia (Bacharelado – Campus A.C. Simões); Ciências Biológicas (Bacharelado – Campus A.C. Simões); Agroecologia (Bacharelado – Ceca); Agronomia (Bacharelado – Ceca); Direito (Bacharelado – Campus A.C. Simões); Zootecnia (Bacharelado – Ceca) e Letras/Francês (Licenciatura – Campus A.C. Simões).

No ponto sobre a regulamentação da criação do Instituto de Ciências Farmacêuticas (ICF), foram necessários esclarecimentos sobre a resolução que separou os dois cursos que formavam a Escola de Enfermagem e Farmácia (Esenfar), extinguindo a unidade originária e criando a Escola de Enfermagem. A dúvida era sobre a necessidade de uma nova resolução para a criação e adequação do ICF. Após várias argumentações sobre as questões administrativas e regimentais, foi aprovada a minuta que regulamenta a criação do novo instituto.

O último ponto apreciado foi a minuta de resolução que regulamenta a criação de um Campus fora de sede, no município de Rio Largo, onde funciona a Unidade Acadêmica do Centro de Ciências Agrárias (Ceca). O diretor do Centro de Ciências Agrárias, Gaus Silvestre, a vice-diretora, Rosa Cavalcante Lira, e o professor Afonso Espindola fizeram um histórico da instituição do Ceca e da consolidação da Unidade Acadêmica, que já vem funcionando como um campus. necessitando da regulamentação. Depois da exposição, os conselheiros aprovaram a criação do Campus e em breve será formado um Grupo de Trabalho para deliberar sobre o nome do Campus.