Ufal participa da 1ª reunião do Conselho de CTI presidida pelo prefeito JHC

Universidade tem acento no CMCTI com o reitor Josealdo Tonholo como titular e o professor Pierre Barnabé como suplente
Por Simoneide Araújo - jornalista, com Secom Maceió  - Fotos: Edvan Ferreira/Secom Maceió
07/05/2021 17h20
context/imageCaption

Professor Pierre Barnabé (2º à esquerda do prefeito JHC) apresentou números da Ufal na área de inovação

A Universidade Federal de Alagoas participou da primeira reunião ordinária do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação (CMCTI), presidida pelo prefeito JHC - João Henrique Caldas, na quinta-feira (6), realizada em formato híbrido. A Ufal está entre os 18 membros que compõem o órgão, que busca conectar academia, empresas, órgãos públicos e terceiro setor para o desenvolvimento sustentável de Maceió, com foco no cidadão, na eficiência, nas novas tecnologias, no empreendedorismo, na inovação e na redução de custos.

O Conselho tem 18 membros titulares e 18 suplentes. São representantes da gestão municipal: Secretaria Municipal de Gestão, Secretaria Municipal de Economia, Procuradoria Geral do Município e Agência Municipal de Regulação de Serviços Delegados; Câmara dos Vereadores; Associação Comercial;; Fecomércio; Fiea; Sebrae; Assespro; Ufal; Ifal; Unit; Cesmac; UMJ, OAB e Fapeal. O membro titular pela Ufal é o reitor Josealdo Tonholo e o suplente, o professor Pierre Barnabé Escodro, coordenador de Empreendedorismo e Inovação da instituição. 

A reunião também contou com a presença do senador Rodrigo Cunha. Durante o evento, foram apresentados os novos membros do Conselho, a minuta do edital para a execução de diagnóstico de inovação de Maceió, além da criação do Programa de Inovação Aberta, o InovAberta, que tem como premissas: encontrar novas maneiras de resolver problemas urgentes e complexos; aumentar a capacidade de criar valor, reduzindo tempo entre desenvolvimento e comercialização, além de criar novos mercados; e criar de forma conjunta novos produtos e serviços à sociedade.

Como representante da Ufal, o professor Pierre apresentou números de inovação e empreendedorismo da instituição [NIT da Ufal deposita 32 patentes e 36 novos programas de computação] e discutiu proposições futuras de ações para o bem da sociedade de Maceió.

Leia também: Prefeito JHC anuncia que Maceió terá plano municipal de inovação

E algumas ações da Ufal na área de inovação e empreendedorismo:

Projetos da Ufal são selecionados no edital do projeto Catalisa do Sebrae

Robô Hércules classifica mais de 11 mil petições no TJ de Alagoas

Pesquisadora assume diretoria do Fórum Nacional de Gestores de Inovação

Faculdade de Economia realiza oficina remota sobre Inovação e Mercado