Gestão central visita Unidade Penedo e firma parceria com a Codevasf

Parceria deve ajudar na construção de novos prédios e laboratórios
Por Hiago Rocha - jornalista (texto e fotos)
19/08/2020 15h01 - Atualizado em 20/08/2020 às 13h32
context/imageCaption

Laboratório do Centro de Referência em Aquicultura e Recursos do São Francisco - Ceraqua São Francisco -, em Porto Real do Colégio

O reitor Josealdo Tonholo, a vice-reitora Eliane Cavalcanti e a equipe da gestão central da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) visitaram a Unidade Penedo nesse início de semana e foram até o terreno onde será construído um novo prédio. Conheceram a estrutura física do Cine Penedo que será reformado, via Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) com apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em Alagoas, além de prédio anexo pensado para o curso de audiovisual. 

Na agenda de atividades, a equipe visitou Ricardo Vieira, superintendente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em Alagoas, na 5ª região. Foi acertada parceria de cooperação técnica, de cessão de espaço físico à Codevasf e aproveitamento das instalações da Companhia no baixo São Francisco para prática laboratorial e de ensino.

“Quando a Ufal se mobiliza institucionalmente toda a equipe de gestão se predispõe a pensar em várias oportunidades de trabalho e demais experiências compartilhadas, crescem a Ufal e seus parceiros, sobretudo, com resultados acadêmicos, científicos e extensionistas. A Codevasf compartilha essa mesma visão e vamos buscar atender esse pleito com ganhos para as duas instituições”, disse Tonholo.

Para a vice-reitora Eliane Cavalcanti, a parceria foi discutida para se pensar em um termo amplo. “A abrangência desse documento tem sido articulada desde educação ambiental à produção científica e tecnológica para fortalecer o potencial dos cursos da Ufal em Penedo. Esse momento não se encerra com a parceria, pelo contrário, apenas se inicia e esperamos ampliação”, afirmou Cavalcanti.

De acordo com Ricardo Vieira, superintendente da Codevasf na região, a Companhia entende o papel estratégico da Ufal para transformação de Alagoas. “A Codevasf também assume essa importância da transformação econômica e social para a região do São Francisco e esperamos apresentar mais produtos dessa união”, pontuou Vieira.

Em Penedo, após visitar o albergue, o Centro de Cultura e Extensão (CEU – no casarão dos Lessa) da Ufal e conhecer instalações da Codevasf, a comitiva seguiu para Porto Real do Colégio conhecer o Centro de Referência em Aquicultura e Recursos do São Francisco (Ceraqua/São Francisco). Lá, Vieira autorizou a chefia do Centro, Vinicius Filho, a dialogar com os cursos de Penedo – o uso de equipamentos nos laboratórios está garantido para os cursos realizarem experimentos no Centro.

Na reunião no Ceraqua ficou acertado que os colegiados vão apreciar os projetos apresentados pelos cursos e remetê-los ao Centro somente após aprovação de todos os espaços de debate – garantindo plena execução entre as duas instituições.

O coordenador da Unidade Penedo, Diógenes Meneses, comentou se tratar de um alinhamento entre os cursos e a Companhia. “O exercício é o de estabelecer propostas com clara definição de objetivos e de ganhos para Universidade e para a Codevasf integrando a população ribeirinha e as cadeias produtivas, sem esquecer as atividades sociais e de extensão”, detalhou Meneses.

A visita a Penedo e Porto Real do Colégio contou com participação dos pró-reitores de Gestão Institucional, Renato Miranda, de Extensão, Clayton Santos, do diretor-geral e diretor acadêmico do Campus Arapiraca, Arnaldo Tenório e Elthon Oliveira, além de coordenadores de cursos e professores.