Programa garante vacinação de 100 felinos em um dia de campanha

Parceria entre Braskem, Ufal e Fundepes promove cuidados dos animais e educa população para a adoção responsável. O projeto piloto deve desenvolver algumas ações especiais até a assinatura do convênio entre Ufal e Braskem
Por Ascom Braskem
30/07/2020 15h28 - Atualizado em 20/08/2020 às 10h39
context/imageCaption

Professor Pierre durante atendimento aos felinos



Cem gatos foram atendidos durante a campanha de vacinação de felinos realizada na quarta-feira (29), no bairro do Pinheiro. A ação integra o projeto de cuidado dos animais abandonados desenvolvido por meio de parceria entre Braskem, Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e Fundação Universitária de Desenvolvimento de Extensão e Pesquisa (Fundepes). O projeto piloto deve desenvolver algumas ações especiais até a assinatura do convênio entre Ufal e Braskem.

Além de receber as vacinas contra raiva e polivalente, os animais foram vermifugados e cadastrados no sistema desenvolvido pela universidade para mapeamento dessa população nos bairros do Pinheiro, Mutange, Bebedouro e Bom Parto.

Durante a campanha, os tutores dos animais receberam dicas sobre cuidados com os gatos e foram orientados sobre a importância de manter a vacinação em dia. Para o professor Pierre Barnabé Escodro, líder da equipe da Ufal no programa, conscientizar a população para a importância do papel do tutor na vida dos animais é o grande desafio.

Segundo o professor, o programa busca garantir a saúde dos animais e consequentemente a saúde sanitária nesses quatro bairros. “É importante que a população entenda que é responsável pelo cuidado de seus animais. Eles sofrem se a família vai embora e os deixam para trás. Estamos aqui para ajudar a cuidar e garantir que eles permaneçam seguros com seus tutores”, destacou.

Mais ações

Esta é a primeira de uma série de iniciativas que vão acontecer nos quatro bairros. A protetora Kika Chroniaris aprovou a ação e aproveitou para vacinar os recém-adotados Mun e Diça. Os gatinhos são irmãos e receberam esse nome para que a família não esquecesse o estado de abandono em que foram encontrados, sujos e feridos.

Esse projeto é a realização de um sonho. Há mais de um ano a gente resgata, cuida, castra e busca novos lares para esses animais. Começamos sem o apoio de ninguém junto com o professor Pierre e estamos felizes coma iniciativa da Braskem de fazer a sua parte. O momento agora é de nos darmos as mãos e nos ajudarmos na busca de soluções”, disse.

A campanha de hoje contou com o apoio da Ceva e da Nutriagro, com a disponibilização de carteiras de vacinação para os tutores dos animais vacinados.