Flexibilização dos currículos é plataforma de trabalho da Prograd

Serão contempladas as modalidades presencial e a distância nos campi da Ufal
Por Diana Monteiro - jornalista
10/02/2020 15h44 - Atualizado em 13/02/2020 às 16h58
context/imageCaption

Amauri Barros (Foto: Renner Boldrino)

Incorporar elementos contemporâneos, a exemplo do empreendedorismo social e economia criativa, que passam pela inovação, com flexibilização dos currículos para todas as áreas, representa uma das metas da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) da Universidade Federal de Alagoas. Isto implica em novos desenhos curriculares proporcionando a otimização dos recursos humanos e espaços físicos nos quatro campi da Ufal.

Ao explicar as mudanças a serem implementadas, o pró-reitor Amauri Barros enfatiza que algumas instituições federais de ensino superior (Ifes), criadas a partir do Programa de Reestruturação das Universidades (Reuni), trazem essa novidade, a exemplo da Universidade Federal do ABC (UFABC-SP), dentre outras. E aproveita para reforçar sobre a prioridade na instituição alagoana: "A Ufal vai continuar o processo de inovação curricular e há modelos referenciados de bacharelados e licenciaturas interdisciplinares em outras Ifes, onde se tem uma formação inicial genérica, base comum, e ênfases, ou seja, especialidades, na reta final da graduação. Pode-se pensar em cursos de uma mesma área com várias ênfases de formação”, enfatiza, ao dizer que o alcance da meta é possível.

Mesmo com os desafios em curso, Amauri sinaliza que a Pró-reitoria de Graduação, por meio das três Coordenações, a de Desenvolvimento Pedagógico (CDP), dos Cursos de Graduação (CCG) e a de Acompanhamento, Avaliação e Planejamento (CAAP), dispõe de quadro técnico qualificado para a implementação de todas as ideias, que serão trabalhadas, segundo o pró-reitor, de forma colegiada com os diversos Fóruns e gestão superior. Aproveita para adiantar que já há iniciativas em andamento para as mudanças traçadas e que a plataforma de trabalho será apresentada em março, durante a reunião da gestão para o planejamento estratégico da Ufal.

Otimismo e experiência

Com otimismo para implementar e ampliar as ações na área de graduação, resultado de sua experiência como docente e gestor, mestre e doutor em sua área de formação, Matemática, Amauri Barros já ocupou o cargo de pró-reitor de Graduação da Ufal no período 2012 a 2016. Em sua trajetória profissional, iniciada há 23 anos, é avaliador do Inep/MEC desde 2009 de cursos de graduação nas modalidades presencial e de EaD e de instituições de ensino superior. Foi ainda coordenador do curso de Matemática Licenciatura nas duas modalidades de ensino e diretor do Instituto de Matemática (IM) do Campus A. C. Simões.