Campi do interior passam a ter assento no Conselho Universitário

Decisão integrou o primeiro debate sobre mudanças no Regimento Geral da Ufal
Por: Diana Monteiro - jornalista - 26/04/2019 às 09h31 - Atualizado em 26/04/2019 às 12h19
context/imageCaption

Conselheiros aprovam inclusão de representação da Ufal no interior

Por unanimidade de votos, o Conselho Universitário da Universidade Federal de Alagoas decidiu a inclusão da representatividade dos campi  no Consuni. A decisão vem atender demanda pleiteada pelo Campus Arapiraca e pelo Campus do Sertão cujos conselheiros tomarão posse na próxima reunião extraordinária, com data a ser definida.

Na última sessão, realizada na última quarta-feira (25), também ficou decidido que  terão assento no respectivo conselho apenas os diretores gerais dos respectivos campi fora de sede, não incluindo, portanto, a direção acadêmica, conforme uma das propostas apresentadas.

A sessão foi presidida pela reitora Valéria Correia que destacou, na oportunidade, o saldo e o avanço obtidos. “A Ufal tinha uma dívida histórica com os campi fora de sede pela falta de representatividade no Consuni, agora saldada e com participação ativa nos rumos da Universidade”, frisou.

A reunião extraordinária teve como objetivo debater o documento elaborado pelo Grupo de Trabalho (GT), sobre mudanças no Regimento Geral e Estatuto da Ufal. O grupo tem a coordenação do vice-reitor José Vieira e, por unanimidade, os conselheiros decidiram iniciar a discussão com foco no regimento, priorizando como primeiro ponto a inclusão dos novos conselheiros.

Leia mais:

Convocação para apresentação do relatório

Consuni debate mudanças no Estatuto e no Regimento

Convocação para continuação do debate