Ufal publica 2ª chamada para aquisição de alimentos da Agricultura Familiar

No Campus do Sertão, os envelopes com a documentação devem ser apresentados até 24 de outubro. Nos campi A.C. Simões e Arapiraca, até 25. Em Viçosa, até 29
Por: Lenilda Luna - jornalista - 21/10/2019 às 09h55 - Atualizado em 21/10/2019 às 12h05
context/imageCaption

Agricultor assinando contrato em 2018 (foto: Thiago Prado)

A Universidade Federal de Alagoas (Ufal), por meio da Pró-reitoria de Gestão Institucional (Proginst),  publicou o 2º edital na modalidade Compra Institucional do Programa de Aquisição de Alimentos, com dispensa de licitação, oriundos da agricultura familiar e do empreendedor familiar rural,  destinada a atender aos usuários dos Restaurantes Universitários ( RUs) da Ufal, nos quatro campi, durante o período de 01 de dezembro de 2019 a 30 de novembro de 2020.

Os interessados em participar da chamada pública deverão apresentar os envelopes com a documentação nas datas e locais definidos no edital (veja na imagem abaixo). Os itens a serem comprados são hortaliças, frutas, laticínios, farinha de mandioca, açúcar, leite de coco, entre outros produtos, que devem ser de produção própria dos fornecedores e cumprir requisitos de controle de qualidade das normas indicadas no edital. 

A prioridade da seleção será para os fornecedores locais, destacando-se  os assentamentos de reforma agrária, as comunidades tradicionais indígenas e as comunidades quilombolas, e grupos de mulheres. Outro critério indicado no edital é que os gêneros alimentícios sejam certificados como orgânicos ou agroecológicos, segundo a Lei nº 10.831, de 23 de dezembro de 2003.

A pró-reitora Estudantil, Silvana Medeiros, destaca a importância desta ação para a Universidade. “É uma satisfação de publicar a 2ª chamada, devido ao sucesso da primeira compra, atestado pelas nutricionistas e pelas associações de agricultores e cooperativas, que se sentem muito valorizados ao fornecer para a Universidade. Nesta chamada ampliamos a diversidade de produtos e as quantidades em relação a anterior”, informa a pró-reitora.

A primeira aquisição de produtos da agricultura familiar foi realizada em outubro de 2018. Essa foi uma proposta da gestão, em proposta elaborada conjuntamente pela pró-reitoria Estudantil (Proest) e Proginst. “Temos o compromisso de consolidar essa modalidade de compra que visa garantir o abastecimento alimentar com qualidade para os RUs, além de fortalecer os circuitos locais e regionais da agricultura familiar para o desenvolvimento rural sustentável”, ressalta a reitora Valéria Correia. 

Confira o edital aqui