Portal do Governo Brasileiro

Ufal tem representante na nova diretoria do Condetuf

David Farias, diretor da Escola Técnica de Artes, é um dos eleitos para o biênio 2019-2020
Por: Simoneide Araújo - jornalista colaboradora - 04/01/2019 às 13h39
context/imageCaption

David Farias, diretor da ETA, eleito primeiro secretário do Condetuf

Na última reunião de 2018 do Conselho Nacional de Diretores das Escolas Técnicas Vinculadas às Universidades Federais (Condetuf), foi eleita a nova diretoria da entidade para o biênio 2019-2020. Entre os membros escolhidos, está o diretor da Escola Técnica de Artes (ETA) da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), David Farias. A posse será em Brasília, mas a data ainda está sendo definida.

O Condetuf é formado por 23 conselheiros, representantes das 23 escolas técnicas vinculadas às universidades federais. O novo presidente eleito é o professor Zilmar Rodrigues de Souza, secretário do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), e o vice-presidente é o professor Douglas Queiroz Santos, diretor da Escola Técnica de Saúde da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). O professor David Farias é o primeiro-secretário da nova diretoria.

Segundo o diretor da ETA, estar na diretoria do Condetuf é algo bastante significativo para a Ufal. “Falo isso em termos de visibilidade para nossa Escola Técnica de Artes e para nossa Universidade. O Condetuf é de suma importância para as nossas escolas, assim como a Andifes [Associação dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior] é importante para as universidades. Ele é o conselho representativo ligado diretamente ligado ao Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC)”, disse David Farias.

E completa: “Tudo que nós temos hoje, em termos de verba, de estrutura, de visibilidade em âmbito nacional, é graças às ações do Condetuf, onde a ETA tem assento. O Condetuf é político e é um conselho de união e de luta - por vagas e por melhor estrutura. Então, agora, temos uma responsabilidade ainda maior ao ocupar a cadeira de primeiro-secretário. Não é o David Farias que assume; é a ETA, é a Ufal. Por isso, em breve, vou convidar a professora Valéria [Correia, reitora da Ufal] para participar de uma reunião do Conselho”.

A ETA hoje

A Escola Técnica de Artes é vinculada à Ufal e pertence ao Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes (Ichca). Tem 19 professores nos cursos de Arte Dramática, Dança, Canto [popular e erudito], Instrumento Musical e Produção de Moda. Todos gratuitos. “Em breve teremos novo concurso para docente do curso de Produção de Moda. Serão duas vagas, sendo uma para fotografia de moda e outra para costura e modelagem. As inscrições estão abertas até o próximo 11 de janeiro”, revelou David Farias.

Em 2019, a Escola Técnica de Artes estará com novo prédio, ampliando sua infraestrutura física. Terá seu espaço ampliado de pouco mais de 320 metros quadrados para quase três mil metros quadrados. “Teremos dez vezes mais espaço com o novo prédio. A inauguração será em breve e vamos poder ampliar nossas atividades, com melhor estrutura para nossos professores e alunos”, revelou o diretor.