Ufal realiza compras e investimentos em infraestrutura com recursos de 2018

Investimentos realizados com a aplicação das receitas do último ano estão sendo entregues para o uso da comunidade universitária
Por: Izadora García - relações públicas - 25/01/2019 às 19h43 - Atualizado em 25/01/2019 às 19h44
context/imageCaption

Carteiras adquiridas já estão sendo entregues nas unidades acadêmicas.

Os recursos recebidos pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal) em 2018, incluindo orçamento próprio e emendas parlamentares, foram investidos, prioritariamente, na finalização de obras e na compra de materiais e equipamentos indispensáveis para a manutenção das atividades de ensino, pesquisa e extensão. Nas últimas semanas, a Universidade começou a receber e distribuir os insumos adquiridos.

Mesmo com o corte de recursos que vem acontecendo ao longo dos últimos anos, a Ufal conseguiu continuar investindo em infraestrutura, renovação de mobiliário de prédios antigos e a equipagem dos novos, garantindo melhorias para docentes, técnicos e estudantes. De acordo com o pró-reitor de gestão institucional, Flávio Domingos, com esses recursos a Ufal, mais uma vez, cumpre o compromisso de garantir a continuidade e finalização das obras que estavam em aberto e fazer aquisições importantes para o fortalecimento do ensino, pesquisa e extensão, melhoria do conforto de docentes, discentes e técnicos, 

"Apesar do cenário de cortes e contingenciamentos, buscamos investir em equipamentos para atendimento da comunidade universitária. Essas aquisições, aliadas aos investimentos realizados em virtude da SBPC, deixam um legado positivo para a Ufal em 2018", avalia Flávio.

No último ano, foram investidos R$ 300.000,00 em equipamentos para o Museu de História Natural; foi realizada a aquisição de 100 projetores que serão destinados à programas de pós-graduação e blocos de sala de aula coletivos; foram destinados cerca de R$1.000.000,00 para atendimento de demandas do Campus Arapiraca [como a compra de equipamentos para laboratórios]; foram compradas cerca de 3.000 carteiras que atenderão à demanda das Unidades Acadêmicas com critérios objetivos estabelecidos; foi feita a aquisição de aparelhos de ar condicionado para equipar o Bloco João de Deus; e 815 novos computadores serão entregues, prioritariamente, para os setores administrativos.

"Empreendemos muitos esforços para conseguir verbas complementares ao nosso orçamento. Fui inúmeras vezes, pessoalmente, buscar emendas parlamentares que ajudassem a diminuir o impacto dos cortes orçamentários que as universidades públicas vêm sofrendo. Juntamente com a equipe da Proginst, conseguimos vitórias importantes, realizar aquisições que farão a diferença na comunidade universitária. Restaurantes entregues funcionando, novas carteiras, blocos inaugurados... o ano foi de muita luta, mas de muitas conquistas também", avaliou a reitora, Valéria Correia. 

Investimentos contemplam os campi do interior

O Campus Arapiraca foi um dos principais beneficiados com a aquisição de bancas, uma vez que ele recebeu 1.100 carteiras da última aquisição. As emendas parlamentares trazidas para a Universidade em um esforço coletivo da Gestão juntamente à bancada alagoana, garantiu equipamentos de laboratório para o Campus do Sertão e Arapiraca. 

"Como costumo dizer, em administração pública, no que concerne à compras, ter o dinheiro é a ultima das etapas, é preciso ter processos administrativos bem instruídos que deem concretude para que as compras sejam realizadas. Por isso, cabe destacar o esforço dos servidores da Gerência de Compras e Licitações da Proginst, dos servidores da Coordenação de Planejamento do Campus Arapiraca, da reitora, Valéria Correia, que buscou durante todo o ano emendas parlamentares para complementar nosso orçamento e do professor David Dantas, antigo Coordenador de Gestão Institucional do campus do Sertão, que praticamente sozinho conseguiu garantir as aquisições necessárias ao Campus do Sertão", finalizou o pró-reitor.