Museu de História Natural da Ufal expõem ecossistemas locais na SBPC Jovem

Visitantes ficam surpresos descobrindo a fauna e a flora alagoana de um jeito novo
Por: Nathalia Firmino, estudante de Relações Públicas - 25/07/2018 às 15h15 - Atualizado em 25/07/2018 às 15h14
context/imageCaption

O estande do Museu de História Natural, na tenda da SBPC Jovem, recebe visitantes (Fotos: Nathalia Firmino)

Com exposição permanente na SBPC Jovem, o Museu de História Natural (MHN) da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) apresenta os ecossistemas alagoanos para os visitantes do evento. O estande tem entrada gratuita e a exposição vai até 28 de julho, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h30, na tenda montada próxima a Reitoria da Ufal.

O Museu de História Natural é um equipamento cultural ligado à Pró-reitoria de Extensão da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e desenvolve estudos sobre a bio e geodiversidade locais e o uso dos recursos naturais do estado. Para os interessados em conhecer mais, o MHN funciona de segunda à sexta das 9h às 17h, na Avenida Amazonas, s/n - Prado, Maceió.

Expor museus de ciências é uma tradição das reuniões anuais da SBPC. Para a pró-reitora de Extensão, Joelma Albuquerque, “a SBPC reúne um público do país inteiro e é importante que a gente mostre o que temos de local, o acervo do museu é característico e raro”, afirma.

A riqueza alagoana encanta o público, a exemplo da estudante de graduação em Biologia da Ufal Thayna Torres, “é fundamental ter um espaço para o museu porque muitas pessoas ainda não conhecem as obras que tem lá, é importante esse contato com o público alagoano e nacional, ressaltando ainda que a SBPC está acontecendo na Ufal, sendo um momento extraordinário para ter um contato com diversas áreas da ciência”, disse Torres.

Os visitantes encontraram no Museu História Natural da SBPC Jovem um recorte de todas as peças que são encontradas no Museu, além das pesquisas na área da ciência que estão sendo desenvolvidas pela Ufal, os animais passaram por um processo denominado montagem e ficam expostos para observação da plateia.