Professores recebem curso de formação do Programa Um Computador por Aluno

Atividades foram direcionadas para docentes de escola pública de Palmeira dos Índios

02/12/2014 12h00 - Atualizado em 02/12/2014 às 15h46
context/imageCaption

Professores recebem curso de formação do Programa Um Computador por Aluno

Daniel Borges – estudante de Jornalismo 

Os professores da Escola Municipal Douglas Apratto Tenório, no município de Palmeira dos Índios, participaram do curso de extensão Formação do ProUCA: Funcionalidades e Aplicativos do Sistema Ubuntuca. O curso faz parte das ações do programa do Governo Federal Um Computador por Aluno (ProUCA) e foi uma realização da Coordenadoria Institucional de Educação a Distância (Cied) da Universidade Federal de Alagoas e da secretaria municipal de Educação de Palmeira dos Índios. As atividades começaram em setembro e foram encerradas no dia 30 de novembro. 

O curso contou com dois momentos presenciais divididos em três partes temáticas (aplicativos, instalação e projetos do sistema Ubuntuca) e ministrados por Yára Costa e Silva Neves, Aníbal Costa da Silva e Marcela Fernandes, do Centro de Educação, ambos da Ufal. 

A formação foi satisfatória e observamos grande entusiasmo dos professores em dar continuidade ao projeto. Os professores participantes já desenvolvem atividades na referida escola estimulando e repassando o que aprenderam para dar continuidade ao projeto”, disse Yára Costa. 

O ProUCA foi criado em 2007 como o objetivo ser um projeto educacional utilizando tecnologia, inclusão digital e adensamento da cadeia produtiva comercial no Brasil, distribuindo um laptop para cada aluno e professor da educação básica de escolas públicas contempladas pelo programa. Em Alagoas, o programa é coordenado por Fernando Pimentel, professor do Cedu e vice-coordenador da Cied. “Formar os professores para o uso das tecnologias digitais de informação e comunicação (TDIC) é um desafio, mas também uma das atividades da Cied enquanto coordenadoria que trabalha com a EAD e com o uso das TDIC”. 

O ProUCA foi disseminado pelo Governo Federal com o objetivo de promover a inclusão digital de professores e alunos. Em Alagoas nove escolas participaram do projeto. “Como em Palmeira dos Índios houve mudança de toda a equipe da escola, nossa responsabilidade consistia em formar todo o quadro de professores e gestores para a incorporação dos laptops nas atividades da escola”, explicou Pimentel.