Ascom apresenta relatório de mídia 2012

O Relatório mostra os números positivos conquistados pela Ufal na divulgação em impressos, rádios, TVs e sites

02/01/2013 10h05 - Atualizado em 05/11/2014 às 15h32
context/imageCaption

Simoneide Araújo explica os bons resultados da Ufal na mídia

Márcia Alencar - Jornalista

A Assessoria de Comunicação da Universidade Federal de Alagoas entregou ao reitor Eurico Lôbo, a vice-reitora Rachel Rocha e a equipe de pró-reitores, o Relatório Ascom Ufal 2012, que apresenta as ações de comunicação e as estratégias usadas para facilitar os fluxos de informações da Ufal para o público externo. “A Ascom demonstra o trabalho em números, que são extremamente eficazes para comprovar nossa importância como setor estratégico”, avaliou a coordenadora Simoneide Araújo.

O reitor Eurico Lôbo parabenizou a equipe pela iniciativa. “É um trabalho muito importante que deve ser feito permanentemente”, disse. O Relatório apresenta os números de 2012, referentes ao primeiro ano de gestão: foram produzidas 1.073 matérias, das quais 151 foram de divulgação científica. “Os grandes aliados para desenvolvermos esse trabalho foram a disponibilidade dos nossos gestores, professores e pesquisadores para responderem às demandas da mídia e a implantação da nova página da Ufal na internet”, salienta Simoneide.

Divulgar a produção acadêmica e cultural da instituição e informar a atuação da administração central são ações que fazem parte da missão do setor. Na prática, não é fácil efetivar essas ações, mas Simoneide Araújo destaca o empenho da equipe da Ascom em conseguir trabalhar o espaço editorial da mídia local (jornais, TVs, rádios e sites), e “os resultados surpreenderam”, revela.

Segundo a relações públicas Carolina Lira, responsável por todo o levantamento e coordenadora do processo de elaboração do Relatório, o primeiro ano de gestão foi fechado com números bastante positivos em relação às inserções na mídia. “O acompanhamento chegou também às redes sociais, por meio das matérias que foram compartilhadas do portal da Ufal”, relata. No próximo ano, esse trabalho será intensificado por conta da experiência vivida em 2012 e os pontos fortes e frágeis da comunicação institucional.

Um dos destaques do relatório fica por conta  da divulgação da Ufal nos jornais impressos de Alagoas. De março a dezembro de 2012, a universidade ocupou um espaço equivalente a 103,34 páginas, que em reais corresponderia a R$ 482.740,00, ou seja, a Ufal não gastou ou “economizou” quase meio milhão de reais em mídia impressa.

O portfólio da Ascom está se ampliando a cada dia. São produtos digitais, como os portais, o clipping, informativos online, artes para outdoors, banners, cartões, e outros. O resultado desse trabalho apresentado no relatório 2012 também rendeu à Ascom o segundo lugar no Prêmio Braskem de Jornalismo, com o case “Como melhorar a comunicação entre a Ufal e sociedade.