Abril Indígena oferece diversas opções culturais no Museu Théo Brandão


06/04/2011 15h15 - Atualizado em 13/08/2014 às 11h07
context/imageCaption

O lançamento do livro será no dia 15 de abril, às 18h, no MTB

O Museu Théo Brandão preparou uma programação especial para homenagear os povos indígenas. O Projeto Abril Indígena tem início nesta quarta-feira, 13, com eventos variados, que inclui apresentações culturais, lançamento de livros e cds, exposição, mesarredonda e festival de fotografias e filmes etnográficos.

A abertura do evento acontece às 18h, com uma homenagem ao pajé Miguel Celestino, lançamento do filme “Visadas do pajé Miguel Celestino”, de Celso Brandão, exposição homônima de fotografias e peças etnográficas e apresentação cultural dos Xucuru-Kariri.

Na quinta-feira, 14, começa a Mostra de Filmes Etnográficos, das 9h às 12h e das 14h às 17h. Já às 18h, acontece a mesarredonda Dimensões das Culturas indígenas em Alagoas, com os palestrantes Evaldo Mendes - ICS / Ufal (“Grupos Indígenas em Alagoas: apontamentos de pesquisa”), Siloé Amorim/ UFPB (“Índios do Alto Sertão de Alagoas”) e Fábia Pereira da Silva (Fulni-ô) FALE/Ufal (“A pesquisa lingüística sobre a língua Yaathe /Fulni-ô”).

A programação termina na sexta-feira, dia 15, com a continuação da Mostra de Filmes Etnográficos, das 9h às 12h e das 14h às 17h, além da presença dos Kariri Xocó, às 16h, da premiação dos filmes e fotografias da mostra e de lançamento de livros e do CD “Rojão Kariri-Xocó”, a partir das 18h. A entrada é franca.

Lançamento de livro

O professor do Instituto de Ciências Sociais, Evaldo Mendes da Silva, lança nesta sexta-feira, 15, às 18h, o livro “Folhas ao Vento: A Micromobilidade de Grupos Mbya e Nhandéva na Tríplice Fronteira”, no Museu Théo Brandão. O lançamento é parte das atividades do Abril Indígena.