Sorriso de Plantão comemora sete anos de atividades


27/03/2009 08h56 - Atualizado em 13/08/2014 às 00h37
context/imageCaption

Alegria nas enfermarias pediátricas

Jacqueline Freire – estagiária de Jornalismo

O grupo Sorriso de Plantão comemorou, no final de março, sete anos de atuação. O projeto de extensão propõe uma abordagem lúdica da criança hospitalizada, levando aos pacientes internos nas enfermarias pediátricas do Hospital Universitário, com seus respectivos acompanhantes, alegria e uma nova visão do ambiente hospitalar.

O grupo investe nesta proposta baseado em pesquisas na área psicológica  indicando que o confinamento prolongado em área estranha à criança e a separação brusca da família atrasam a recuperação orgânica, enquanto que a estimulação à integração com alegria promove uma recuperação mais rápida e altas hospitalares em período mais curto.

Para a estudante do curso de Medicina da Ufal, Barbara Barros de Araújo, que trabalha no grupo há dois anos, participar do projeto é fazer parte da vida e da família das crianças. “É difícil deixar de participar. Quando chegamos às enfermarias eles já estão nos esperando. Se a gente se atrasa um pouco eles reclamam e ainda pedem para ir embora junto com a gente no final”, diz.

“O contato que a gente tem com o paciente, que passa por um momento de dor, entender o que eles sentem, conversar... Tem todo um contato com uma pessoa, a principio estranha, mas que passa a fazer parte da família. Não vamos para lá olhar a doença, só interessa a patologia para gente saber o limite da criança”, diz Bárbara. Outra participante do grupo é a estudante de Relações Públicas Mayana Amorim, que diz levar para casa as emoções que vivencia todos os sábados. “Como faço comunicação qualquer tipo de relacionamento é válido, e esse é totalmente diferente. No Sorriso de Plantão cada dia é diferente do outro, passamos por diversas situações e emoções, acompanhando o nascimento, a recuperação e até a perda de algumas crianças, pelas quais nos apaixonamos”, avalia.

O grupo é formado por estudantes de diversos cursos da Universidade e se reúne uma vez por mês para avaliar e planejar as atividades e trocar experiências. Todos os sábados os pacientes internados no Hospital Universitário, principalmente na pediatria, recebem a visita, que proporciona brincadeiras, leituras, músicas e muita diversão. “As atividades variam conforme os pacientes, e vão desde desenhos, danças, até brincadeiras infantis usando objetos do dia-a-dia, no sentido de tornar o ambiente hospitalar menos hostil”, explica Barbara.

Seleção de novos integrantes

O Sorriso de Plantão aproveitou a festa de aniversário e selecionou novos participantes. Durante a festa de aniversário,  no dia 27 de março, também houve a apresentação do projeto, depoimento das mães participantes e homenagens. Nestes sete anos, o grupo já contou com a participação de mais de cem doutores palhaços e atingiu um grupo de mais de 3 mil crianças e 364 plantões no Hospital Universitário.

 

 Vídeo com fotos do Sorriso de Plantão

e uma matéria feita pelos estudantes