Museu Théo Brandão recebe nova exposição fotográfica de Guy Veloso

Mostra é composta por imagens
Por Jacqueline Batista – jornalista Ascom MTB
04/03/2020 09h43
context/imageCaption

Entre a fé e a febre - retratos (foto-Guy-Veloso)

A exposição Entre a Fé e a Febre: Retratos, do fotógrafo paraense Guy Veloso, será aberta na quinta, 5 de março, às 19h, no Museu Théo Brandão (MTB). O evento integra a programação do Fotosururu’20 – 2º Encontro de Fotografia Criativa em Maceió, realizado pela Fragma Imagem.

No processo fotográfico da mostra, iniciado em 1998, Guy utilizou exclusivamente câmeras analógicas. Durante sete anos, ele produziu as fotografias em preto e branco, que revelam manifestações religiosas do interior do Brasil. Um olhar sob ritos e tradições que retratam a busca pelo sagrado, em saberes peculiares.

“Algumas dessas práticas remontam à Idade Média, como as ordens de penitentes que saem em procissão encapuzados e envoltos em mantos brancos noite adentro – certas irmandades, inclusive, mantém a autoflagelação. Há também o catolicismo laico da população rural em suas peregrinações periódicas”, escreveu o fotógrafo e historiador, Michel Pinho, no texto que compõe a exposição.

As imagens de Guy Veloso integram a coleção Pirelli de Fotografia, do Museu de Arte de São Paulo (Masp), do Centro Português de Fotografia em Portugal, da Biblioteca Nacional no Rio de Janeiro, do Museu da Fotografia Cidade de Curitiba, Museu de Arte de Belém (Mabe), Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM), Museo de las Americas nos Estados Unidos, Museu de Arte do Rio (MAR) e Coleção de Arte Latino-Americana da Universidade de Essex, na Inglaterra.

No seu currículo também constam o Prêmio Nikon Photo Contest, de Tóquio, e o Arte Pará, prêmio de fotografia da Fundação Rômulo Maiorana. Seu trabalho também faz parte de livros, entre eles Um olhar sobre o Brasil: a fotografia na construção da imagem na nação, que retrata os 150 anos da fotografia no país.

Entre a Fé e a Febre: Retratos já esteve em várias cidades do Brasil, na Argentina, no Chile e na Alemanha. No Museu Théo Brandão, a exposição ficará aberta até o dia 7 de abril, durante o horário de visitação: de terça a sexta, das 9h às 17h, e aos sábados, das 12h às 17h.

SERVIÇO:

O quê: abertura da exposição Entre a Fé e a Febre: Retratos
Onde: Museu Théo Brandão
Quando: 5 de março
Horário: 19h
Entrada: gratuita