Ufal presta homenagem à professora Maria Denilda Moura

Professora do curso de Letras faleceu no último dia 3 de maio
Por Ascom Ufal
04/05/2020 16h36
context/imageCaption

Professora Denilda Moura

A professora Maria Denilda Moura foi uma mulher batalhadora pelas Letras e Linguística, professora e pesquisadora incansável.

Graduada em Letras pela Universidade Federal de Alagoas (1964), mestra em Letras - Université de Besançon (1972) e doutora em Linguística Teórica e Descritiva- Université Paris 8 (1980). Realizou estágios de pós-doutoramento na University of Ottawa e na École Pratique - Université Paris 4. Professora Associada da Faculdade de Letras (FALE) da Universidade Federal de Alagoas, pesquisadora da Universidade Federal de Alagoas, e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas; foi membro do Conselho Editorial da Revista Llngua(gem) do Instituto Latino-Americano de Pesquisas Científicas, da Revista Delta- PUC-SP, e da Revista Linguagem & Ensino, da Universidade Católica de Pelotas. Consultora "ad hoc" da Capes, do MEC, da Fapeal, da Fapesb, fez parte da Comissão de Avaliação do MEC/Inep. Membro do Comitê Externo de Avaliação do PIBIC/CNPq.

Sua experiência e atuação na área de Linguística, com ênfase em Teoria e Análise Linguística, especialmente nas áreas: linguística, variação linguística, sintaxe comparativa, sintaxe do português tornou a professora Denilda Moura uma referência nacional. (Informações coletadas do Lattes em 3/5/2020).

A professora Denilda foi fundadora do PET Letras, o primeiro PET da Ufal, criado em abril de 1988, permanecendo como tutora até 2010. Em 1989, a professora abre os horizontes da pós-graduação na ufal com a fundação do Programa de Pós-graduação em Letras, tendo como áreas de concentração: Língua Portuguesa e Literatura Brasileira; a implantação do Mestrado em Letras foi o primeiro curso de pós-graduação stricto sensu da UFAL.

Denilda Moura também foi a fundadora do Elfe– Encontro Nacional de Língua Falada e Escrita, além disso, foi Presidente de várias associações da área de Linguística do país, tais como: Anpoll, Abralin, Gelne, Eclae, coordenando diversos eventos nacionais e internacionais.

Recebeu a Medalha do Mérito Universitário em 2006, em comemoração aos 45 anos da Universidade Federal de Alagoas.

A professora Maria Denilda Moura deixa um grande legado: uma vida de intensa dedicação e compromisso com o trabalho, a profissão e a pesquisa, e de amor pelas Letras e Linguística. Um ser humano sensível e firme! Nosso reconhecimento e gratidão, professora Denilda!