Servidor da Ufal conquista vaga para Mundial de Ironman na Nova Zelândia

Fernando Andrade do DCF levou a medalha de 8º lugar este ano e deve concorrer na prova de triathlon
Por: Blenda Machado - estagiária de Jornalismo - 06/09/2019 às 07h05 - Atualizado em 05/09/2019 às 16h22
context/imageCaption

Fernando enfrenta uma maratona de 3 horas de treinos diariamente

Com muito esforço e dedicação, Fernando Andrade, servidor do Departamento de Contabilidade e Finanças (DCF), este ano conquistou a medalha do ironman em Maceió, ficando em 8º lugar, que o classificou para a etapa em Nova Zelândia.

Fernando já participou de três provas de ironman, na distância 140.6 milhas de 3.800 metros de natação, 180 km de bicicleta e 48 km de corrida. Além dessas provas, participou de sete provas de Ironman na distância 70.3 milhas por 1.900 metros, 90 km de bicicleta e 21 km de corrida.

Ele teve sua participação no mundial de ironman na África do Sul em 2018 na distância 70.3 milhas. Conta com detalhes como foi realizado as provas. ‘‘Todas provas quando concluídas o atleta recebe medalha de participação. Em 2017, fui 4º colocado na categoria. O que me garantiu a disputa do mundial na África do Sul em 2018. Esse ano, fiquei em 8º lugar na categoria, o que me garantiu vaga para o mundial na Nova Zelândia em 2020’’, disse.

O atleta iniciou a prática de esportes para combater o sedentarismo, começando por Mountain Bike e logo depois a natação e a corrida. Fernando conta os desafios que encarou. ‘‘O primeiro deles foi conciliar família, trabalho e a prática do triathlon, que requer em média 3 horas de treinos diariamente’’.

Fernando conta como se apaixonou pelo esporte. ‘‘Já praticava algumas corridas em provas de rua, aliado ao MTB ‘Mountain Bike’. Observei uma prova de triathlon na distância olímpica aqui em Maceió, e a partir de 2015 comecei a praticar várias provas locais’’.

Sobre Ironman

O ironman é uma modalidade de triathlon, surgiu em 1974, na cidade San Diego, nos Estados Unidos, através de uma proposta feita pelo comandante da marinha John Collins e sua esposa em uma prova de corrida no Havaí, sobre o qual seria o atleta mais resistente: nadadores, corredores ou atletas de outras modalidades. 

O triathlon consiste na união de três modalidade esportivas: natação, ciclismo e corrida. Enquanto em uma corrida a plateia torce para ver quem será o campeão. A maior preocupação do atleta está no tempo de chegada. ‘‘Meu melhor tempo numa prova de Ironman na distância 140.6 milhas foi de 9h e 42 minutos. Na distância 70.3 milhas foi de 4h e 25 min’’, declara.