Pesquisadora desenvolve método para facilitar escrita de texto científico

‘ Como escrever seu TCC sem enlouquecer’ é um método gratuito com aulas online
Por Diana Monteiro - jornalista
13/07/2018 08h55 - Atualizado em 31/07/2018 às 15h08
context/imageCaption

Professora Lenilda Austrilino. Foto: Agência Alagoas

Escrever um texto científico, quer seja para Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), monografia, dissertação tese ou artigo científico, comumente é um entrave para muitos alunos. Essa dificuldade compromete, geralmente, o cumprimento de prazos, etapa tão almejada para quem vislumbra a obtenção do tão sonhado certificado de finalização de curso e assim ingressar e progredir na vida profissional. Visando orientar e contribuir para a superação de dificuldades a professora Lenilda Austrilino, da Universidade Federal de Alagoas, desenvolveu um método denominado de Como escrever seu TCC sem enlouquecer, a partir de sua experiência e de relatos em sala de aula nos mais de 20 anos de carreira docente na instituição.

Com aulas online, proporciona ao interessado desenvolver suas habilidades para a escrita científica, conforme o passo a passo das cinco etapas existentes, sem desespero. “Outro tópico do método trata sobre o segredo para escrever e publicar o trabalho científico. Na aula online e gratuita é mostrada qual a escrita mais adequada ao tipo de trabalho científico do aluno. A outra abordagem do método é de como vencer a inércia e o medo de escrever. Nesse tutorial completo, o aluno vai sair com um guia de dicas para iniciar sua escrita, vencendo a inércia e o desânimo para escrever”, afirma Lenilda.

Ela destaca também como dificuldade observada a falta de domínio das regras técnicas da escrita científica e da estrutural que requer, mesmo o aluno tendo conhecimento dos aspectos normativos gramaticais. Segundo Lenilda, a falta de destreza é um problema pois implica “na qualidade do texto escrito; torna difícil o diálogo com o orientador; e provoca atrasos nos prazos de entrega, vindo a causar transtornos levando estudantes ao desespero”.

A professora enfatiza: “Os relatos em sala de aula, as reflexões e o que aprendi com minha experiência como orientadora e professora em cursos de graduação, especialização e mestrado, levaram-me a identificar essas dificuldades e a desenvolver um método, para superá-las de forma sistematizada. O método que chamo ‘cinco etapas da escrita científica’ visa levar os estudantes a aprenderem como escrever um texto científico, de acordo com o propósito ao qual ele se destina. O curso ‘Como escrever seu TCC sem enlouquecer’ será realizado em módulos, o passo a passo detalhado irá auxiliar o estudante na preparação do seu próprio texto, tornando a escrita mais fácil, contribuindo para que o estudante entregue o trabalho acadêmico no prazo, fazendo com que ele obtenha a tão desejada titulação”.

Processo ensino-aprendizagem

Licenciada em Física pela Ufal, com mestrado em Física Aplicada pela Universidade de São Paulo (USP) e doutorado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) no mesmo estado, Lenilda Austrilino iniciou carreira acadêmica  como docente do então Departamento de Física, da instituição alagoana. Em sua produtiva vida acadêmica participou da implantação do mestrado em Educação do Centro de Educação (Cedu), unidade  por onde se aposentou, e do mestrado profissional Ensino na Saúde da Faculdade de Medicina (Famed), onde atua como professora voluntária e também orientadora de alunos.

“Sempre me preocupei e refleti sobre o processo ensino-aprendizagem, o que me motivou a participar de diferentes atividades com esse foco no âmbito da Ufal. As dificuldades dos estudantes com a aprendizagem em física, levaram-me a fazer doutorado em Educação, onde defendi a tese intitulada de O ensino de física numa abordagem contextualizada. Externamente coordeno, há 14 anos, o projeto Caravana de Ciência e Tecnologia que durante a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia leva ações de divulgação da ciência para o interior de Alagoas”, frisou a pesquisadora.

O treinamento é gratuito e os interessados no curso podem fazer a inscrição acessando aqui.