Professora da Ufal é contemplada com 1º lugar em edital do CNPq

Juliana Roberta recebeu essa colocação devido ao projeto que desenvolve somente com mulheres
Por: Pedro Ivon - estagiário de Jornalismo - 12/12/2018 às 07h25 - Atualizado em 11/12/2018 às 11h36
context/imageCaption

Professora Juliana Roberta Theodoro (de branco), do Instituto de Matemática

Uma Chamada do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) intitulada Meninas nas Ciências Exatas, Engenharias e Computação, com o objetivo de apoiar projetos que possam contribuir com o desenvolvimento científico e tecnológico e com a inovação no país, liberou a lista dos contemplados.

A vice-diretora e professora do Instituto de Matemática (IM) da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Juliana Roberta Theodoro, conseguiu o primeiro lugar por seu projeto, entre 78 aprovados. O trabalho também envolve as docentes Viviane de Oliveira Santos, também do IM e Lidiane Maria Omena, do curso de Física da Ufal em Arapiraca, dessa forma o trabalho não ficou restrito somente a uma área, englobando outras partes das ciências exatas.

O projeto, denominado A busca da igualdade de gênero na sociedade transformando meninas em mulheres de luta pela sua representatividade e espaço nas ciências exatas desde o ensino fundamental até os maiores graus da vida acadêmica, envolve cinco escolas de Maceió e oferece bolsas tanto para alunas da própria Ufal quanto para estudantes das escolas.

“Nós estamos muito felizes. Na verdade, fiquei feliz e admirada, porque eu não pensava que o nosso projeto fosse ficar em primeiro lugar”, afirmou a coordenadora do projeto. Juliana ainda falou sobre a importância dessa iniciativa da CNPq, estimulando a participação e formação de meninas e mulheres na área das ciências exatas.

Para conferir a lista de classificação, acesse aqui.