Inscrições para reintegração de curso na Ufal podem ser feitas até 8 de dezembro

Para participar do processo, estudante deve ter sido desligado da Ufal há, no máximo, dez anos e ter concluído 50% da carga horária total do curso
Por: Ascom Ufal - 29/11/2019 às 15h50 - Atualizado em 29/11/2019 às 15h53

As inscrições para o processo seletivo de reintegração na Ufal, período letivo 2020.1, podem ser feitas até o dia 8 de dezembro no site da Copeve. A taxa de inscrição é de R$ 50. O processo é coordenado pela Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) e pelo Departamento de Registro e Controle Acadêmico (DRCA). Ha vagas nos cursos de graduação de todos os campi e unidades.

A reintegração se configura como o retorno do estudante ao curso de origem, após desligamento. Para participar do processo, o discente deve ter sido desligado da Ufal há, no máximo, dez anos, contados da data do desligamento, e ter concluído 50% da carga horária total do curso. A reintegração dependerá da existência de vaga e dar-se-á para o mesmo curso e campus no qual o candidato era vinculado, sendo vedada aos candidatos desligados em razão de sanção administrava.

De acordo com o edital, o processo seletivo será realizado em etapa única, que consiste na avaliação do progresso dos estudantes no exercício do curso anterior ao desligamento. A análise e classificação será efetuada com base nos seguintes critérios: menor índice de carga horária necessária para a conclusão do curso; maior coeficiente de rendimento escolar acumulado no Histórico Escolar; e menor índice de abandono de disciplinas (reprovação por faltas) no Histórico Escolar.

Para mais informações e acompanhar as próximas etapas, acesse o link.