Alunas da Ufal são finalistas em competição nacional de Design

Com decisão de última hora, Rayce de Melo e Juliana Leite conseguiram chegar à 2º etapa do Prêmio Salão Design 2020
Por Pedro Ivon - estagiário de Jornalismo
21/10/2019 09h15 - Atualizado em 18/10/2019 às 14h48
context/imageCaption

Foto: arquivo pessoal

O curso de Design da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) alcançou mais uma conquista recentemente, com as alunas Rayce de Melo e Juliana Leite, ambas do 6º período, que foram selecionadas para a final do Prêmio Salão Design 2020, com o projeto Pendurados. O Salão Design é o maior prêmio da área de Design de mobiliário do país, de concorrência nacional.

Sob a orientação do professor Edu Mazzini, do curso de Design da Ufal, as alunas participam do prêmio na categoria Estudante, no Desafio Uso do Painel. “O projeto foi desenvolvido durante a disciplina de Projeto de Mobiliário 1, sendo o primeiro contato efetivo dos alunos com o Design de Mobiliário”, informou o docente. E continua, “No caso da Rayce e Juliana, finalistas do Prêmio Salão Design MovelSul 2020, o processo de orientação foi muito estimulante já a partir das primeiras aulas. As alunas demonstraram empenho e dedicação durante o desenvolvimento do projeto, sempre de forma proativa indicando soluções criativas para o tema”.

Segundo Rayce de Melo, o Pendurados é uma linha de móveis composta por mesa, cadeira e estante, com a proposta inicial de serem produzidos com painéis de madeira reciclada. “Se trata de Open Design, um movimento influenciado pelo Open Source, onde nós disponibilizamos os arquivos das peças online por um valor simbólico ou até mesmo gratuito. As pessoas podem fazer download, comprar os painéis, cortar em uma marcenaria que tenha esse tipo de tecnologia e montar em casa”, explicou a aluna.

“Ao desenvolver a linha mobiliária, buscamos passar uma mensagem de conscientização ambiental e de valorização cultural regional”, disse Juliana.

Rayce falou que foram geradas cinco linhas de produtos, na fase de geração de ideias, que acharam que poderiam corresponder aos requisitos que haviam estabelecido. A linha Pendurados foi a que obteve a maior média e que foi selecionada.

Por um triz

A participação das alunas não foi planejada desde o início. A princípio, foi cogitado participar do Prêmio, mas a ideia logo foi esquecida. Foi quando Rayce estava em São Paulo, durante suas férias, que tudo mudou. A aluna mandou a mensagem para o professor Edu e para Juliana, propondo a participação. “Já estava em cima do último dia e estávamos longe, mas deu tudo certo”, explicou a estudante de Design.

Competição das grandes

Apesar de ser uma competição nacional, o Prêmio Salão Design, nesta edição, teve a participação de nove países, com quase 900 candidatos. O grande número de participantes, entretanto, não impediu as alunas de chegarem até a final da competição.

“A sensação de ser finalista e concorrer ao prêmio é pouco se comparado ao reconhecimento do curso de Design, de levar junto ao projeto o nome da nossa instituição e de trazer a público o verdadeiro papel do designer”, declarou Juliana Leite, afirmando também que as pessoas têm uma concepção errada de quem é o profissional de design. “Na verdade, ser designer é ir muito mais além, é se preocupar com os problemas ao nosso redor e a partir disso criar soluções para eles”, completou a finalista.

“Ser finalista desse concurso também mostra o potencial do nosso curso, que é novo na Ufal, dos professores e da universidade pública como um todo”, informou Rayce.

Os vencedores da 2ª etapa do Prêmio Salão Design 2020 serão divulgados dia 10 de fevereiro do ano que vem e a cerimônia de premiação acontecerá somente na feira Movelsul Brasil, em março do mesmo ano.